Comerciante é morto a tiros por seguranças de fábrica de plásticos às margens da RJ-104 – Banca.com

Visualizações 2 Um comerciante foi morto a tiros por seguranças de uma fábrica de plásticos, e o tio dele morreu atropelado quase no mesmo horário, noite da última terça-feira...

Um comerciante foi morto a tiros por seguranças de uma fábrica de plásticos, e o tio dele morreu atropelado quase no mesmo horário, noite da última terça-feira (24), em Tribobó, São Gonçalo.

O instalador Jamir Silva, de 51 anos, tio do comerciante, foi atropelado por um carro enquanto tentava atravessar a rodovia Amaral Peixoto (RJ-104).

Quase no mesmo horário, um sobrinho dele foi morto a tiros às margens da RJ-104.

Segundo testemunhas, o homem teria sido agredido por três seguranças de uma empresa às margens da RJ-104 e baleado durante a discussão. O motivo da discussão está sendo investigado

Os corpos dos dois foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Tribobó. O caso começou sendo investigado pela 73° DP (Neves), mas, quando a vítima faleceu o caso foi repassado para a Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo.  Divulgaçãao.

Categorias
Polícia
Sem Comentários

Deixe uma resposta

Tempo
Horóscopo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

POSTS RELACIONADOS