Gasolina fica 8% mais barata a partir desta terça – Banca.com

Visualizações 0 Com a cotação do petróleo despencando no mercado internacional, a Petrobras anunciou mais uma vez, nesta segunda-feira (20/04), queda nos preços dos combustíveis. O litro da gasolina...

Com a cotação do petróleo despencando no mercado internacional, a Petrobras anunciou mais uma vez, nesta segunda-feira (20/04), queda nos preços dos combustíveis. O litro da gasolina ficou 8% mais barato em suas refinarias e o do diesel S-10 e S-500 para consumo automotivo caiu 4%.

No acumulado do ano, a redução chega a 52,3% no valor médio da gasolina e 38% no preço do diesel”, informou a Petrobras, em nota.

Para o consumo em usinas térmicas, o S-10 foi revisado em 4,2% para baixo e o S-500, em queda de 4,1%. A Petrobras baixou também o valor do diesel marítimo em 4,1%.

Na prática, o valor da gasolina passa a R$ 0,91 por litro nas refinarias. Já o diesel passa a custar R$ 1,45 o litro.

Tradicionalmente, a Petrobras anuncia as revisões de preços aos clientes com um mês de antecedência.

Para o especialista em Petróleo e Gás da INTL FCStone, Thadeu Silva, com a demanda em queda, por conta dos desaquecimentos de economias em todo mundo, a Petrobras não tem outra alternativa a não ser baixar seus preços para brigar pelo mercado interno.

A estatal apresentou um padrão de ajuste gradual nos últimos meses em relação à queda abrupta do mercado internacional. A lacuna (entre os preços externos e internos) agora está quase fechada”, afirmou Silva.

Ele diz que, antes da crise ocasionada pela covid-19, a empresa estava praticando preços bem próximos dos de importação, e não deixava muito espaço para concorrentes. À medida que a cotação foi caindo nas principais bolsas mundiais de negociação, a estatal foi reajustando sua tabela lentamente.

“Tinha bastante espaço para o importador, porque o produto internacional ficou mais barato do que o doméstico. Agora, a empresa voltou a trabalhar com níveis bem próximos do período anterior à crise do coronavírus”, acrescentou.

Considerando ainda o câmbio em alta, a possibilidade de importação hoje é nula, segundo o presidente da Associação dos Importadores de Combustíveis (Abicom), Sérgio Araújo. (Com informações da Agência Estado)

Categorias
DestaqueGeral
Sem Comentários

Deixe uma resposta

Tempo
Horóscopo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

POSTS RELACIONADOS