Goiás registra primeiro caso de infecção por nova linhagem do coronavírus – Banca.com

Visualizações 5 Foi identificada uma nova linhagem do coronavírus em Goiás. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou, nesta terça-feira (9/2), o primeiro caso de reinfecção da Covid-19 no...

Foi identificada uma nova linhagem do coronavírus em Goiás. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) confirmou, nesta terça-feira (9/2), o primeiro caso de reinfecção da Covid-19 no estado, em uma paciente do município de Ceres, a 179 quilômetros de Goiânia.

A nova linhagem do coronavírus no estado, de acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Flúvia Amorim, é diferente de outras registradas no Brasil e no mundo.

“Não identificamos no estado nenhum caso da linhagem de Manaus, do Reino Unido e da África do Sul”, explicou a superintendente ao Metrópoles.

De acordo com Flúvia, a paciente goiana “está bem de saúde e já se recuperou”. “Ela teve o primeiro episódio da doença em primeira linhagem do vírus e, mais de 90 dias depois, a segunda [linhagem]”, acentuou. Ou seja, o caso vem sendo investigado há pelo menos três meses.

A superintendente afirma que a identificação dessa variante do vírus aciona o sinal amarelo. “Há preocupação por ser nova linhagem. Quanto mais linhagens, mais risco de infecção, porque vai sofrendo mutação”, afirmou.

Na avaliação da superintendente, o caso serve para que as pessoas tenham ainda mais cuidado. “Isso serve de alerta para a população, por mostrar que mesmo quem já teve a doença não pode deixar de seguir as medidas de segurança”, disse.

Passos
No estado, o Laboratório de Saúde Pública de Goiás (Lacen-GO) colheu as amostras para o exame RT-PCR antes de encaminhar o sequenciamento para o Laboratório Adolfo Lutz, que analisou o sequenciamento genético da nova variante do coronavírus.

Nesses casos, o resultado deve apresentar um valor menor que 30 do CP, referência usada pela ciência analisar a carga viral. “Quanto maior a carga viral, menor o CP”.

Confirmada pela primeira vez em Goiás, a linhagem P.2 já circula em outras regiões do país, segundo a superintendente. No Distrito Federal, foi identificada em julho do ano passado, mas também está em franca expansão no Rio Grande do Sul.

Números e vacina
Goiás registrou, até segunda-feira (8/2), 362.404 casos confirmados e 7.710 mortes pelo novo coronavírus desde o início da pandemia, de acordo com o boletim da Secretaria de Estado de Saúde.

No último domingo (7/2), o estado recebeu mais um lote de vacinas. O foco da imunização agora será os mais idosos, conforme informou o governador Ronaldo Caiado (DEM). A tendência é que os municípios comecem a aplicar as novas doses já a partir desta semana.

Há uma preocupação com o aumento dos casos da doença no estado. Ainda nesta terça-feira (9/2) será votada uma proposta do governo na Assembleia Legislativa que trata sobre a suspensão do feriado de carnaval em Goiás este ano. Anteriormente, o ponto facultativo dos servidores públicos já tinha sido suspenso pelo governo e várias prefeituras .Fonte Metrópoles

Categorias
Destaque
Sem Comentários

Deixe uma resposta

Tempo
Horóscopo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

POSTS RELACIONADOS