Conecte-se conosco

Polícia

Homem é executado com várias rajadas de tiros em Cabo Frio – Banca.com

Publicado

em

Um homem foi executado na tarde de quarta – feira (09), em Unamar com várias rajadas de tiros.

De acordo com a PM, o crime aconteceu na localidade do Chavão em Tamoios.

A perícia foi acionada e está no local, o corpo será levado para o IML de Macaé.

Ainda de acordo com a PM, ninguém foi preso.

O caso será registrado na 126ª DP de Cabo Frio RLagos

Polícia

Jovem simula roubo e estupro para ganhar seguidores nas redes sociais, – Banca.com

Publicado

em

Uma jovem de 21 anos foi conduzida pela Polícia Militar após simular ter sido assaltada e estuprada para ganhar seguidores. O boletim de ocorrência foi registrado em Ipatinga (MG), nessa segunda-feira (21).

De acordo com a Polícia Militar, a jovem é de Governador Valadares (MG) e disse que teria sido vítima de estupro e assalto no trajeto entre a rodoviária de Ipatinga e Governador Valadares.

A polícia foi acionada por funcionários da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e, ao chegar no local, a jovem informou que estava em uma festa realizada em um hotel da cidade e que, logo depois, foi para a rodoviária.

A jovem contou ainda que ao chegar no terminal, entrou em um “táxi clandestino” e, durante o percurso, o motorista teria a agredido, estuprado e roubado sua bolsa com todos os pertences.

Diante das informações, os militares iniciaram as buscas pela identificação do suspeito através de câmeras de circuito de segurança, contato na rodoviária e no hotel, além de conversas com motoristas de aplicativos e convidados do evento.

Segundo a polícia, durante a apuração, os militares suspeitaram de que a história poderia ser falsa devido às convergências de informações. Ao fazer novo contato com a jovem, na frente dos familiares, ela disse que havia inventado a situação para que ganhasse mais seguidores nas redes sociais.

Influenciador”

 

Valadarense postou vídeo na rede social dizendo que havia sido estuprada — Foto: Reprodução/Instagram

Valadarense postou vídeo na rede social dizendo que havia sido estuprada — Foto: Reprodução/Instagram

De acordo com a PM, uma das testemunhas disse que conversou com a jovem e contou a ela que ganhou muitos seguidores após passar por um incidente, além de ter recebido doações por meio de uma vaquinha online.

A testemunha ainda disse à polícia que contou essa experiência à jovem e que ela “mostrou-se muito interessada”. Informou também que a autora disse que iria simular um crime falando que havia sido estuprada e roubada para ganhar mais seguidores.

Segundo a jovem, ela e essa testemunha estavam andando quando entrou em um matagal e gravou um vídeo pedindo ajuda, dizendo que estava com a roupa rasgada e machucada.

A polícia conta ainda que, no dia seguinte, uma mulher encontrou com a jovem e ofereceu ajuda, pagando uma corrida através de aplicativo para a UPA.

Na unidade, ela contou aos policiais que havia sido estuprada e roubada, mas durante a conversa assumiu que inventou a história para ganhar seguidores. Disse também que o sangue que aparece no vídeo surgiu através de uma gengivite e que ela mesma teria rasgado as suas roupas.

Aos policiais ela disse ainda que estava com uma bolsa e que a jogou em um matagal, sem saber informar onde era o local. G1

Continue lendo

Destaque

Elias Maluco, preso pela morte de Tim Lopes, é achado morto em cela federal – Banca.com

Publicado

em

Segundo o órgão, o local foi preservado até a chegada da Polícia Federal, que foi acionada para fazer a perícia. A família do detento foi comunicada pelo Serviço Social da unidade. O Depen informa, ainda, que “preza pelo irrestrito cumprimento da Lei de Execução Penal e que todas as assistências previstas no normativo são garantidas aos privados de liberdade que se encontram custodiados no Sistema Penitenciário Federal”.

Elias era apontado como membro de uma organização criminosa liderada por Antonio Ilário Ferreira, o Rabicó, do Comando Vermelho. Mesmo dentro do presídio federal, Elias teria exercido funções de liderança no grupo, conforme denúncia do Ministério Público.

Tim Lopes

O assassinato do jornalista ocorreu em 02 de abril de 2002, no município do Rio de Janeiro. Tim Lopes tinha 51 anos quando foi morto, era repórter da Rede Globo e na época fazia reportagem sobre tráfico de drogas e exploração sexual infantil em bailes funk. Elias foi condenado por homicídio triplamente qualificado (motivo torpe, métodos cruéis e sem chance de defesa), além de formação de quadrilha e ocultação de cadáver.

Continue lendo

Polícia

Um morto e um baleado em tentativa de assalto em São Gonçalo

Publicado

em

Um homem foi morto e outro baleado no bairro do Barracão, em São Gonçalo, ao saírem de um velório no Cemitério Parque da Paz, também no município, no começo da noite desta segunda (21). As vítimas, de identidade ainda não reveladas, foram rendidas por criminosos em um carro de passeio.

Segundo testemunhas que estavam no local, os bandidos dispararam tiros contra o veículo das vítimas e fugiram. Um dos baleados não resistiu aos ferimentos e morreu. O outro foi levado para o Hospital Estadual Alberto Torres, no Colubande, mas ainda não há informações sobre o seu estado de saúde.

Equipes do 7º BPM (Alcântara) estão no local aguardando a chegada da equipe da Divisão de Homicídios de Niterói, Itaboraí e São Gonçalo (DHNSG) para a realização da perícia. Fonte OSG

Continue lendo

Mais Lidas

Copyright © 2019 Portal de Notícias - Coisas incríveis no mundo dos negócios nunca são feitas por uma única pessoa, e sim por uma equipe - Todos Direitos Reservados.