Mulher é presa após manter corpo da avó no porão por 15 anos para continuar recebendo pensão – Banca.com

Visualizações 1 De acordo com as autoridades da Pensilvânia, Cynthia Black, de 61 anos, manteve o cadáver de sua avó em um freezer no porão por 15 anos, a...

De acordo com as autoridades da Pensilvânia, Cynthia Black, de 61 anos, manteve o cadáver de sua avó em um freezer no porão por 15 anos, a fim de continuar recebendo os benefícios da previdência social da mulher morta.

Ela teria conseguido arrecadar cerca de 186 mil dólares do governo neste período, em cheques destinados para Glenora Delahay. Black afirma que ela morreu em março de 2004, aos 97 anos, segundo o jornal The Philadelphia Inquirer.

A mulher teria dito à polícia que encontrou o corpo de sua avó em sua casa em 2004 e decidiu escondê-lo em um freezer no porão, porque ela precisava da renda dos cheques mensais, que são no valor de US $ 1.765.

O dinheiro foi transferido para uma conta usada por Black, sua mãe Glenora Waltzinger, que morreu em 2011, e Glenn Black Jr. A porta-voz da Polícia Estadual, Kelly Osborne, disse que não sabia se Glenn era o parceiro de Cynthia.

Black teria usado dinheiro dos cheques para pagar a hipoteca de uma casa para onde a família – incluindo o corpo da avó – se mudou em 2007. Em 2018, no entanto, eles se mudaram dessa casa, que fica em Dillsburg. EXITOÍNA

Categorias
DestaqueInternacional
Sem Comentários

Deixe uma resposta

Tempo
Horóscopo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

POSTS RELACIONADOS