UFF vai aderir à paralisação nacional em outubro – Banca.com

Visualizações 0 Ficou confirmado em assembleia quinta (26), que os três setores da Universidade Federal Fluminense (UFF) irão aderir à paralisação nacional da Educação que acontece no início de...

Ficou confirmado em assembleia quinta (26), que os três setores da Universidade Federal Fluminense (UFF) irão aderir à paralisação nacional da Educação que acontece no início de outubro, nos dias 2 e 3. A plenária entre membros do Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sintuff), Diretório Central dos Estudantes (DCE) e da Associação dos Docentes (Aduff) ratificou o que já tinha sido decidido no início de setembro.

De acordo com o Sintuff, as lutas contra os cortes orçamentários e o projeto Future-se, que na prática significa a mercantilização total do ensino e a privatização da educação pública, estarão no centro dos protestos.

A proposta das entidades organizadoras é que nas primeiras 24 horas da greve sejam realizadas atividades nas universidades e instituições de ensino, inclusive abrindo as portas das escolas para a sociedade. No segundo dia (3) acontecerão manifestações e atos de rua em todo o país. Ontem eles decidiram que no dia 2 as atividades serão dentro da universidade, com um ato no campus da Praia Vermelha e com o movimento UFF nas Praças que alunos e docentes levam os projetos da universidade e expõe para população.

No dia 3 o grupo irá se unir ao ato que acontece na Candelária, no Centro do Rio de Janeiro.

Categorias
Política
Sem Comentários

Deixe uma resposta

Tempo
Horóscopo
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade

POSTS RELACIONADOS